08 janeiro 2013

Toda a gente fala…

(foto de Susana Neto)
 
Toda a gente fala da crise, do desemprego, da fome, dos sem-abrigo, do desgoverno.
Toda a gente fala da corrupção, do futebol, do CR7, e do “diabo mais velho”.
Estou farta…
Será que ninguém consegue falar de Esperança, de Fé no Futuro?
Será que ninguém consegue partilhar um sorriso?
Um abraço de solidariedade?
Já sabemos que há desemprego, já sabemos que estamos em crise, que os vencimentos estão cada vez mais curtos, que há fome, que há corrupção, já sabemos isso tudo.
Já sabemos que os culpados são os sucessivos governos, a banca, os administradores, os corruptos e o povo, qual carneiro manso, que seguiu, sem questionar, as ilusões vendidas por todos eles.
E, agora, todo o mundo e mais alguém se queixam. Xiça penico…
Se, aqueles que, com honradez, e em silêncio, falassem das dificuldades com que sobrevivem para pagar as contas, seriam os verdadeiros/as heróis e heroínas num país em que ninguém olha além do seu umbigo.
Há histórias fantásticas de famílias, que sobrevivem de forma admirável, sem se queixarem, sem culparem ninguém e que também nada fizeram ou contribuíram para este país estar neste caos absurdo.
Parem de se lamentar.
Ergam a cabeça e enfrentem a Vida com simplicidade.
Façam o melhor que poderem e sorriam, mesmo sabendo que esse sorriso não põe comida na mesa nem paga as contas, mas ajuda a melhorar os vossos dias.
A Vida não tem que ser cinzenta, não temos que enlouquecer todos, só porque estamos a passar por momentos extremamente difíceis.
Temos sim que ser solidários, em Família, com os Amigos, no trabalho, colaborar no que podermos e distribuir o melhor de nós…um sorriso, um abraço, 2 mãos a ajudar o nosso próximo e assim todos passamos por tudo isto de forma muito melhor.
Há que ter Fé e Esperança pelas gerações futuras e por nós mesmo e…sigamos em frente com firmeza, sem nos esquecermos de…OUSARMOS SER FELIZES!!!

2 comentários:

  1. Esperança em que amanhã estará um dia de sol.
    Afinal... mesmo chovendo também faz sol.


    Tudo de bom

    :)

    ResponderEliminar
  2. Olá Ângela
    Estou plenamente de acordo contigo. Há quem nos momentos de crise, procure remar contra a maré. Penso que talvez seja um deles, que reme contra a maré; contra ventos e ondas altas, neste momento estou a meio caminho de chegar a bom porto. É uma surpresa para ti, e das grandes.Certamente nunca me imaginaste no mar alto, capaz de lutar com ondas, mas estou aqui, cheio de ânimo, e vou chegar a terra firme.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...