30 junho 2013

Música ao domingo [38]



Mais um mês chega ao fim, e desta vez, com imenso calor, pois parece que o S. Pedro se lembrou que, finalmente, o Verão está cá para ficar, será?!!!
Por isso, quem vai até à praia, cuidado, protector solar, muita água e nada de ficar estendido ao sol nas horas de maior calor.
Afinal, quem avisa, amigo é, e todo o cuidado é pouco para evitar males maiores.
Aproveitem as férias, para quem está de férias, o sol e o calor, aproveitem para amar muito, sorrir ainda mais.
Vivam cada dia como se fosse o último, abracem, distribuam felicidade, pois ela não paga IRS, IRC ou IVA e faz bem ao coração.
Deixo aqui o meu abraço AMIGO com muita AMIZADE e claro, nunca se esqueçam...OUSEM SER FELIZES!!!

23 junho 2013

Hoje lembrei-me de ti…


Não me perguntes porquê, mas hoje, acordei e lembrei-me de ti.
Lembrei-me dos Verões passados em tua casa.
Das brincadeiras, da tua boa disposição e que foi graças a ti que conheci o Minho e os seus encantos.
Lembrei-me das tuas idas á Régua, e quando chegavas á casa dos meus Pais, sentavas-te no sofá e gostavas de beber um cálice de vinho do Porto.
Gostavas de um queijinho e adoravas requeijão.
Eras brincalhão e adoravas “gozar” com as tuas sobrinhas, mas nós não levávamos a sério isso, afinal eras o nosso tio Tó.
Para mim, sempre foste o meu tio preferido, o meu tio de eleição.
Não me perguntes porquê, porque ou se gosta ou não se gosta e é tão simples quanto isso.
Foste sempre um bom Pai, Marido, Companheiro e para mim um Tio de quem tenho imensas saudades.
Quando adoeceste, tanto quanto sei, nunca ninguém te ouviu queixar, revoltar, aceitaste, pacificamente, tua condição e lutaste até ao fim.
Nunca, teus filhos e companheira, te faltaram com nada, e nunca te ouviram um queixume.
Para mim, que não pude acompanhar-te (pela distância física), sei que partiste em Paz e onde estiveres, espero que estejas bem.
Hoje, acordei assim, contigo na lembrança e nas coisas boas que vivi contigo.
Não me leves a mal, apenas me lembrei de ti e que tenho saudades tuas.
Onde quer que estejas, recebe um grande abraço de Paz e Luz da tua sobrinha que muito te quer bem e que hoje acordou contigo no pensamento.

11 junho 2013

Deliciosas!!!

Quem quer provar?
Estão, simplesmente, deliciosas, maduras e com uma cor sensual e super apelativa, não acham? Não há como resistir a estas belíssimas e coloridas cerejas do Douro, produto tipicamente português, e como tal, há que atacar!!!

Fui “matar” saudades do “meu” Douro e trouxe de lá esta cesta cheia de cerejas, que já não está assim tão cheia, porque, já foi “uma barrigada” delas, assim que cheguei a casa. Mas, não quis deixar de partilhar as cerejas do Douro e perguntar: são servidos?
Ainda há umas quantas cá em casa, por isso, passem pelo Pé de Vento e sirvam-se, estejam á vontade, são nossas, produzidas cá e dos nossos produtos devemos estar orgulhosos e dos nossos agricultores também.

E, não se esqueçam...OUSEM SER FELIZES!!!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...