04 junho 2007

Espero-te ao entardecer…




Espero por ti ao entardecer
Naquela hora fugidia
Naquela hora tardia
Espero por ti aqui
Sentada, ansiosa
E tu tardando
Demorando a chegar
O coração em sobressalto
As mãos vazias
Os braços suspensos
Esperando o teu abraço

Espero-te ao entardecer
Na calçada da rua
Ouço ao longe
Teus passos apressados
E o beijo queimando a alma
Sustendo a respiração
Espero por ti
Naquela hora fugidia
Em que o amor fala mais alto
Em que a paixão se solta
E toma conta de nós


angelis

4 comentários:

  1. Esperaste...valeu a pena ? ;);)

    ResponderEliminar
  2. E não é bom saber que nos esperam..... eu gosto.

    ResponderEliminar
  3. O pé de vento passou...e foi bom enquanto esperaste pelo teu amor...

    De certeza, ambos deram mais valor ao sentimento que os unia!

    Beijinhos da

    Maria

    ResponderEliminar
  4. Porquê esperar ao entardecer?!...
    E porque não, esperar a todo o momento!...
    Fica bem.
    Felicidades.
    Manuel

    ResponderEliminar

Blog Widget by LinkWithin