27 dezembro 2013

Não é fácil…

Não é fácil viver o dia a dia dos efeitos secundários da quimioterapia, por mais força e animo que tenhamos. São debilitantes, deixam-nos sem forças e levam-nos à cama e ao repouso.
A verdade é que não somos feitas/os de ferro para podermos aguentar tudo com um sorriso, como se nada se passasse connosco, somos seres humanos e como tal, sofremos os efeitos dos químicos.
Isto não quer dizer que tenhamos perdido a força e a vontade de lutar, apenas que ficamos, fisicamente, muito fragilizados, que necessitamos “escutar” nosso corpo, descansar e fazer tudo o que é preciso para que, entre as sessões de quimioterapia, ele recupere.
Alimentação saudável e equilibrada, caminhadas curtas ou longas (depende de cada um) boas noites de sono, são factores fundamentais para um equilíbrio saudável do corpo.
Outro factor fundamental neste processo todo é termos uma postura mental saudável, forte e não permitirmos que o pessimismo se instale.
Fé, Esperança, Força, Vontade de nos curarmos, apoio da Família são essenciais. Partilha do que sentimos, do que nos preocupa e aflige, do que nos dói, só assim, os que nos rodeiam nos podem ajudar e acompanhar.
Não é vergonha pedir ajuda, se não conseguimos enfrentar o cancro sozinhos, não é vergonha estarmos carecas, sem uma mama, termos dores, chorarmos, sentirmo-nos frágeis, ou não conseguirmos fazer o que fazíamos antes.
Tudo é temporário, tudo passa, temos que ter um ÚNICO OBJECTIVO…A CURA.
Não tenho vergonha de dizer e assumir que tenho uma FÉ inabalável em DEUS, e que essa Fé me guia e ilumina meus dias neste processo todo.
Tenho FORÇA para lutar e vencer o cancro, ESPERANÇA em dias melhores e um dia destes, quando der conta, ele já foi embora e acabou…
Até lá, mesmo não sendo fácil, não desistamos de lutar, mesmo com dias muito difíceis, em que não apetece sair da cama.
Afinal, somos e seremos LUTADORAS e CARECAS POWER e um dia diremos: EU VENCI!!!
FELIZ 2014 para todos e…OUSEM SER FELIZES!!!

5 comentários:

  1. claro que vais vencer, mas esses dias difíceis fazem parte do processo, não há que ter vergonha de estar tristes...
    lembra-te que me deves um gelado naquela gelataria famosa de que tu e o flores tanto falam!
    em troca, ofereço-vos as melhores natas do mundo.

    beijinhos e um ano novo muito, muito feliz.

    ResponderEliminar
  2. Vai Vencer. Está escrito que a fé move montanhas. Jesus disse à mulher doente "A tua fé te salvou"
    Deixo um abraço e o desejo de que 2014 seja o ano da sua cura.

    ResponderEliminar
  3. Já sabes a minha opinião.

    O gelado está à espera, e é comida saudável :))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))

    Tudo de bom.

    ResponderEliminar
  4. Olá, minha querida amiga, Angelis!

    Foi com muita alegria que li as suas palavras num dos meus blogues. Vim, quase, de imediato, ler, as suas, e fiquei deslumbrada com esse seu "NEW LOOK! Giríssima!

    Gorduchinha, muito "senhora do seu nariz" e o cabelo está a ficar um espanto. Lava-se facilmente, e seca rapidamente. Agora, vai nascer com mais força, acredite!

    Caso não seja ainda cabelo seu, olhe, é como se fosse. Está muito natural, verdade!

    Li o seu texto com todos os meus sentidos, e nenhum deles falhou. Ah! Enfim, a visão, não aguentou, e lá resolveu soltar uma lágrima. Atrevida, quem a mandou? Atrapalhadíssima, recolheu-se, de imediato.

    Vai vencer, aliás já venceu, porque com esse aspeto, eu não permito que vá para outro lugar qualquer, por mais lindo que ele seja.

    Tem estado por aí muito frio? Aqui, está um horror e a humidade ainda ajuda à festa.

    Agora por falar em festa, quero desejar-lhe um ano novo, mesmo novo, com MUITA SAÚDE, BOA AUTOESTIMA E MUITA FÉ.

    Para o ano, falaremos deste seu caso, com ligeireza, lembrança, apenas, e muito contentamento, porque Deus quer, e todos nós, também.

    CONTINUE COM ESSA FORÇA, MINHA QUERIDA AMIGA!

    Beijinhos e um abraço da Luz, com muito apreço e amizade.

    ResponderEliminar
  5. Minha querida vim aqui parar através do blogue de um amigo, onde as tuas palavras me trouxeram até aqui.
    Transmites palavras cheias de fé e esperança, que são meio caminho andado para a cura. Eu acredito e já pude constatar ao longo da vida que as forças exteriores podem contrariar a ciência.
    Sim o percurso não é fácil, mas o objetivo é a cura e digo-o com muita fé que te desejo tudo de bom e que a cura não tarda. São normais os efeitos secundários mas no final podes sorrir porque venceste esta batalha. Vou passando por aqui sempre que possa para te deixar um abracinho.
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...