21 agosto 2014

I Believe


Eu acredito em novos recomeços, em novas oportunidades, sejam elas românticas, financeiras, ou no meu caso, de saúde.
Eu acredito que Deus nos dá todas as oportunidades de recomeçar sempre que precisamos.
Nunca escondi ou neguei que tinha Fé, uma Fé inabalável em Deus e que foi Ele que me amparou e ajudou, ao longo deste processo todo que é o cancro da mama.
Claro que, temos, também que acreditar nos médicos/as que nos estão a ajudar, nas enfermeiras/os, nos tratamentos, por mais dolorosos que sejam seus efeitos secundários e, acreditem que são, mas o caminho, quando iniciado é para percorrer e nunca desistir.
Ficamos sem cabelo, e depois? Ele volta a crescer.
Ficamos sem unhas? Eles voltam a nascer.
Ficamos sem paladar? Ele volta e começamos a sentir o gosto bom dos alimentos.
Temos dores? Há medicação para elas.
Ficamos sem forças? Descansamos.
Mas NUNCA devemos desistir de nós, e mesmo com toda a ajuda à nossa volta, não nos esqueçamos que…é um caminho solitário, porque se não lutarmos por nós, se não acreditarmos, se não tivermos Fé, não adianta a Força que a Família, os Amigos, o pessoal de saúde e os tratamos nos dão.
Eu acreditei em mim, e embora hajam os benditos 5 anos de segurança (como lhe chamam os médicos) neste momento, posso dizer que estou LIVRE para virar a página e escrever novas e boas coisas no livro da VIDA.
Quando se vive uma doença grave como o cancro, perspectivamos a VIDA com novos olhos e damos mais importância às pequenas coisas da VIDA, pois são essas que nos fazem, realmente felizes.
Meu objectivo, a partir de agora, e mais nada…SER FELIZ!!!
Sou LIVRE e acredito que vou SER FELIZ!!!
Por isso…OUSEM SER FELIZES!!!

 

1 comentário:

  1. Eu acredito (como já te disse mais que uma vez), nas pessoas.
    Por isso sempre acreditei que vencerias!

    Tudo de bom.

    (e não te esqueças que ainda falta a nossa 'selfie'

    ResponderEliminar

Blog Widget by LinkWithin