09 novembro 2016

Viver com cancro


(foto retirada da net) 

Viver com cancro pode parecer fatídico, mau ou algo com que temos que padecer o resto das nossas VIDAS. 
Viver com cancro parece sinonimo de não ter cura, falta de Esperança, ou que estamos destinados a sermos eternos sofredores de uma doença que a sociedade ainda olha de lado, quem dela sofre e padece. 
Nada disso, afirmo eu, alto e bom som, que há 3 anos fui submetida a uma mastectomia da mama direita, porque me foi diagnosticado cancro da mama. 
Fiz quimioterapia e radioterapia e 3 anos depois, com a doença estabilizada, mas sem garantias de cura, vivo com o cancro e SORRIO, sou FELIZ e esqueço-me desse “monstro”, que um dia me bateu á porta. 
Viver com cancro não é sofrimento, é celebração da VIDA, é ABRAÇOS, é AMIZADE, é CARINHO, é ACEITAÇÃO, é HUMILDADE e CAMINHAR gratos pela oportunidade de nos superarmos e continuarmos a viver e apreciar as coisas simples e belas da VIDA.

1 comentário:

  1. Excelente texto angelis. É essa atitude que muitas vezes faz a diferença entre a vida e a morte.
    Gosto imenso de saber que está bem.
    Um abraço e bom domingo.

    ResponderEliminar

Blog Widget by LinkWithin