24 março 2008

"Ilhas..."


(foto de Fernando Almeida)

Às vezes somos ilhas isoladas da vida.
Somos gente que ri, chora, canta, labuta,
Ama e vive na corda bamba do circo da vida.
Palhaços, trapezistas, contorcionistas,
Malabaristas, tudo o que podemos e quisermos ser.
Actores, directores de nós mesmos,
Disfarçados para a dor não nos ver.
Máscaras agarradas à alma,
Sufocando-a, impedindo-a de viver e amar.
Quando seremos nós mesmos?
Quando deixaremos de representar no imenso palco da vida?
Às vezes somos ilhas isoladas dentro de nós mesmos.
Que fazer?
Perdermo-nos da vida?
Encontrarmos outras ilhas como nós?
Ás vezes somos, tão somente, gente anónima!!!

angelis

6 comentários:

  1. Hoje tirei uma "folga" na minha actuação e passei por aqui para te (re)ler.
    Somos todos actores...uns melhor que outros.
    Continuação de boa semana....aproveita as mini-férias;)

    ResponderEliminar
  2. Tenho um prémio para ti no meu blog.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Devia ser proibido :o) estar tanto tempo sem colocar um post no blog:)))))

    ResponderEliminar
  4. Desaparecida!...25 de Abril sempre...é esta a minha homenagem.

    ResponderEliminar
  5. Acho que vou falar com a ASAE....um mês sem dizer nada à gente ? Não me digas que...não tens net??? :o)

    ResponderEliminar
  6. Este poema fica-me tão bem - parece que foi escrito para mim...
    Beijinhos e um bom feriado.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...